terça-feira, 28 de agosto de 2012

INSS pela Internet









A Previdência Social oferece vários serviços que podem ser realizados pela Internet, porem muitos segurados não sabem e acabam enfrentand filas nas agências de forma desnecessária, abaixo segue várias solicitações que podem ser feitas em casa.

AGENDAMENTO http://www2.dataprev.gov.br/prevagenda/OpcaoInicialTela.view

ATUALIZAÇÃO DE ENDEREÇO http://www1.dataprev.gov.br/cadend/sp2cgi.exe?sp2application=cadend

CÁLCULO DE CARNÊ http://www3.dataprev.gov.br/cws/contexto/captchar/index_cipost2.html

CARTA DE CONCESSÃO http://www010.dataprev.gov.br/CWS/CONTEXTO/CONCAL/INDEXi.HTML

CERTIDÃO SAQUE (PIS/PASEP/FGTS) http://www010.dataprev.gov.br/cws/contexto/depcef/index.html

EXTRATO DE PAGAMENTO DE BENEFÍCIO http://www3.dataprev.gov.br/cws/contexto/hiscre/index.html

CONSULTA DE CERTIDÃO DE TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO http://www010.dataprev.gov.br/CWS/CONTEXTO/ctc/ctc.html

CONSULTA REVISÃO DE BENFÍCIO http://www010.dataprev.gov.br/cws/contexto/consit02/index.html

DECLARAÇÃO DE IMPOSTO DE RENDA http://www010.dataprev.gov.br/cws/contexto/irpf01/index.html

DECLARAÇÃO DE REGULARIDADE http://www5.dataprev.gov.br/DRSCI/faces/pages/index.xhtml

EXTRATO DE CONTRIBUIÇÃO http://www1.dataprev.gov.br/conweb/sp2cgi.exe?sp2application=conweb

INFORMAÇÕES DE BENEFÍCIOS http://www010.dataprev.gov.br/cws/contexto/consit/consit1.html

INFORMAÇÃO SOBRE PROCESSO DE RECURSO http://www1.previdencia.gov.br/crps/beneficio.asp

PERÍCIA AGENDADA http://www2.dataprev.gov.br/sabiweb/consulta/inicio.view

ATUALIZAÇÃO DE ENDEREÇO DE APOSENTADOS E PENSIONISTAS http://www010.dataprev.gov.br/cws/contexto/atucadend/index.html




82 comentários :

rita yoshizaki disse...

Fiz uma periçia médica no dia 31 07 2012 e atéhoje não veio nenhuma carta,por favor gostaria de sabeo porque.numero da pericia 1323/10

Mr. Prev disse...

voce pode verificar o resultado da pericia ligando no 135 ou indo ate uma agencia do INSS

Mr. Prev disse...

Esse link aqui tambem pode ajudar http://www010.dataprev.gov.br/cws/contexto/consit/consit1.html

santos24 disse...

Bom dia! Por favor preciso de um esclarecimento. To gravida d 17 semanas, uma gestaçao um pouco complicado, pois passo muito mal e ja tive alguns sangramentos. Em dezembro d 2012 tive 2 atestados, um d 14 dias e outro d 10 dias com cid diferentes. Voltei trabalhar alguns dias normalmente. E agora em janeiro tive mais 15 dias (nao consecutivos) d atestados, sendo eles por dias em q eu estive em consulta e outros porque nao estava em condiçoes de trabalha. Hj fui trabalha normalmente e me mandaram p casa porque estavam esperando uma responda da matriz para saberem oq fazer. Como devo proceder? Como fica minha situaçao sendo q nao estou de atestado? Desde ja obrigada

Mr. Prev disse...

a empresa é obrigada a pagar os 15 primeiros dias de afastamento dentro de um periodo de 60 dias, depois caso voce se afaste a empresa na paga mais nada e devera ser marcado pericia no INSS . Mas é bom ter uma testado para levar na pericia.

santos24 disse...

Mr. Prev. Boa tarde! Dentre estes atestado q citei na pergunta anterior, 2 d 1 dia ja passaram dos 60 dias e 1 d 14 dias tbm. Como eu nao estou d atestado como eles vao m encaminhar p pericia? Isso nao deveria ter sido feito logo em janeiro, por conta q eu ainda estava d atestado? Obrigada

Mr. Prev disse...

O encaminhamento so acontece depois de 15 dias de afastamento dentro de 60 dias, resumindo, se voce ficar se afastando ate 15 dias a cada dois meses nunca será encaminhada...
Mas pdoe ser demitida...rsrsrsr

Cleverson Gomez disse...

Ola, meu beneficio acaba dia 28/02/2013, com essa nova lei , eu tenho que remarca outra pericia apos 30 dias ou 15 dias como esta no papel que o INSS forneceu? , é que eu não estou possibilitado para trabalhar.Obrigado

Mr. Prev disse...

marca nos ultimos 15 dias de beneficio, depois do carnaval ja pode marcar

Carolina disse...

Boa Tarde!
Estou gestante de 28 semanas e tive pré eclâmpsia (hipertensão gestacional). Precisei ficar internada alguns dias e minha médica me deu afastamento de 30 dias, pois estou tomando medicação para controlar a pressão e preciso de repouso. Como a pressão está oscilando muito, minha médica já avisou que provavelmente irá me afastar até a data do parto.
Minha dúvida é a seguinte, a data de início do afastamento é 28/02 e o RH da empresa agendou minha perícia para dia 19/03. Como devo proceder, tenho consulta do pré natal antes da perícia, já devo pegar o próximo atestado para levar na perícia e como fica meu salário até lá?
Obrigada!

Mr. Prev disse...

Os 15 primerios dias de afastamento é por conta da empresa, depois é por conta do INSS mas sera liberado apenas depois da pericia se concedido o beneficio.

Leve todos os laudos de afastamento que voce tiver.

Cleverson Gomez disse...

Boa Tarde, eu gostaria de saber se o beneficiário tem o direito de remarcar a pericia com o mesmo médico?

Mr. Prev disse...

Nao é possivel escolher o medico, os sitema que faz isso, sendo assim a remarcação pode cair com qualquer perito da agencia

Carolina disse...

Bom Dia!
Estou gestante de 30 semanas e minha médica me afastou por 30 dias.
Meu atestado acaba dia 28/02 e a perícia será dia 19/03. EU tenho que voltar a trabalhar após o término do atestado ou só após a perícia?
Agora além da pressão alta, desenvolvi diabetes gestacional.

Mr. Prev disse...

Se voce tem condição de voltar apos o atestado, sugiro que voce faça isso, pois a pericia analisa seu afastamento pelos laudos que voce apresenta, se o atestado é de 30 dias ha grande channce de eles concederem só os 30.

Airton disse...

Estou recebendo Auxílio Doença Judicial há mais de 2 anos. Após a última perícia o Perito do INSS concluiu que meu caso não tem reabilitação. O Advogado pediu para que eu entrasse com pedido de perícia administrativa para converter o benefício em aposentadoria. Como proceder para requere tal pedido? Qual a diferença entre continuar recebendo e aposentadoria, além de a aposentadoria ser definitiva tem mais alguma vantagem? O valor recebido muda?

Mr. Prev disse...

O auxilio-doença sao 91% do calculo do beneficio e a apsoentadoria sao 100%, se voce recebe salario minimo entao nao vai ter diferença.

Mas nao há requerimento adminsitrativo de aposentadoria, no momento da pericia o perito pode sugerir apsoentadoria que devera ser homologado por um setor resposavel do INSS.

Ou seja, a aposentadoria é uma opiniao do medico perito e nao ha requerimento.

Mr. Prev disse...

O que voce pdoeria fazer é pedir uma revisão solicitando a aposentadoria. Mas por se tratar de beneficio cocnedido judicialmente, qualquer decisao fica na mão do juiz. Pode ate ser que o juiz ja esteja pensando em converter em aposentadoria, caso o perito tenha colocado no laudo que seu caso é para aposentar.

Israel Lima disse...

eu me aposentei,em 1999,pelo teto maximo, e o meu salario era,de 660,seicentos e secenta reais,mas antes eu estava de auxilio donença dei entrada em 1993,com um salario de crs,5.299.200.00,no periudo,de-19-04-/93 a 30/o4/93.vindo a me aposentar em01/05,1999, quero saber de vossa exeleçencia se eu tenho direito a revisao tanto daaposentadoria por invalidez epor auxilio doença !

Mr. Prev disse...

Pelo que voce me passou nao!
Pode até verificar no site da previdencia mas a respsota deve ser negativa,
so tem o erro que esta sendo corrigido os beneficios de auxilio-doença iniciados em 1999 e sera pago apenas os iniciados a partir de 04/2002 devido a prescrição.

Kécia Fonseca disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Kécia Fonseca disse...

Boa Tarde,estou em beneficio desde de novembro de 2012,após a primeira pericia em Dezembro meu beneficio foi concedido até o dia 31 do mesmo mês, não me sentido em condições entrei com pediddo de prorrogação que foi concedido até 01/02/2013 data da perícia, me liberaram, dai entrei com pedido de reconsideração mais foi indeferido alegando inexistência de incapacidade; Retornando a empresa me foi solicitado exame de retorno ao trabalho onde a Médica do trabalho atestou INAPTA. O que fazer?sou auxiliar de arquivo,e portadora de Hérnia Discal Lombar em L5-S1.
Aguardo resposta
Grata
Kécia

Mr. Prev disse...

Voce deve pedir recurso desse beneficio cessado e sugiro tambem enrtar com novo pedido.

Airton disse...

Bom dia!Confore postagem que fiz em 27/02 pedi uma cópia do relatório do perito, o mesmo sugeriu aposentadoria. Demora para ser homologada?

Mr. Prev disse...

O setor responsavel tem até 6 meses para analisar.

Samuel Custodio disse...

Bom Dia! Estou com uma dúvida tremenda, eu fiz uma cirurgia dia 23/01 de percutânea renal para retirada de cálculo renal, trabalho em um hospital no setor de call center 6 horas e vinte direto, com apenas 1 pausa de 20 minutos durante o atendimento.
Quando fiz a cirurgia o médico me deu 15 dias de afastamento, quando acabou os quinze dias eu voltei ao trabalho, porém não consegui trabalhar devido as dores de ficar o tempo todo sentada e ao fato de ir toda hora ao banheiro, pois estava urinando muito...o que dificultava o meu trabalho pois não posso sair fora as minhas pausas de vinte minutos.
Comuniquei o médico que me deu mais 10 dias, o hospital me encaminhou ao INSS e eles mesmo marcaram a minha perícia para o dia 20/03 dizendo que não poderia retornar ao trabalho até essa data, me orientaram que após a alta do inss eu teria que passar pelo médico do trabalho para ae sim poder retornar ao trabalho.
Minha dúvida é a seguinte, como já estou apta a voltar ao trabalho não corro o risco do INSS não me pagar esses dias??? Pois o próprio hospital não me deixou voltar ao trabalho sem passar pelo inss, o que o senhor poderia me orientar nesse caso...

Mr. Prev disse...

Estando apta ao trabalho sempre ha o risco do inss nao pagar o periodo que voce esta apta, por exemplo, se voce tiver um atestado de 30 dias e ficou 60 dias esperando a pericia, ha o risco da pericia dar só os 30 do atestado.

Se voce tiver uma atestado dizendo que está apta apresente ao medico do trabalho e peça para voltar, pois se voce apresentar no iNSS vao dar alta nesse dia.

Rafa Tarouco disse...

Boa noite, Mr. Prev.
Estou afastada desde o dia 28/11/12, sendo dia 13/12 o décimo sexto dia. Meu atestado é de tempo indeterminado, mas foi feito o pedido de licença pois eu estou grávida e estava com a placenta baixa (prévia), acontece que minha placenta subiu um pouco, mas a médica não me liberou para voltar ao trabalho pois corre o risco da placenta descer novamente. Bom, minha perícia foi marcada somente para o dia 22/03/13, eu gostaria de saber se tem alguma possibilidade do pedido ser negado, já que a placenta subiu. E também gostaria de saber quanto tempo após a perícia, normalmente, demora para entrar o primeiro pagamento. Obrigada!

Mr. Prev disse...

Possibilidade sempre existe, alguns perito pelo menosa te a data da perici eles concedem, mas pode ser simplesmente negado, mas nao tem como eu falar em porcentagem de chances de isso acontecer, trata-se de amtria medica e o perito é quem vai decidir.

Apos fazer pericia e concedido o beneficio, dentro de uns 15 dias voce recebe uma carta informando local e data do primeiro pagamento.

Samuel Custodio disse...

Então, mais nesse caso eu não tenho esse atestado pois o médico que me operou não pode me fornecer pois o mesmo não está no País , posso dizer isso ao INSS caso me questionem?? Devo dizer que estava apta o trabalho??

Mr. Prev disse...

Nao tem outro medico que possa dar um atestado?

Se voce nao levar nenhum novo laudo na pericia, a chance do perito negar é alta.
Se falar que esta apta tambem vao negar.

Samuel Custodio disse...

Que tipo de laudo?? O que eu tenho comigo são os exames de antes da cirurgia , os atestados do médico depois que operei, e novo exame de raio x de depois da cirurgia que não aparece mais a pedra, porém aparece outra pedra no outro rim que ja estou com o pedido de cirurgia liberado pelo convênio para fazer no outro rim.
Que tipo de laudo mais teria que levar , estou ficando preocupada, pois nunca passei no inss, não sei como proceder , se puder me orientar te agradeço pois tenho 4 filhos e estou sem pgto desde Janeiro aguardando a perícia, fiz somente como o Hospital que trabalho me orientou, peguei os exames e os atestados e estou aguardando o dia da perícia, porém não posso nem pensar em ter negado esses dias que estou parada pois estou com todos os meus compromissos atrasados.

N@anycriss disse...

Preciso tirar uma dúvida, depois de ler tantas coisas aqui, fiquei com medo, pois não tive muita orientação.Fiz uma cirurgia de apendicectomia por laparotomia, fiquei afastada desde o dia 22/01/13, por 18 dias, entrei na caixa, a pericia foi agendada pela empresa para o dia 21/03, estou preocupada, existe possibilidade do perito negar e eu não receber, já estou com laudo médico informando que estou liberada para trabalhar desde o dia 11/03. Estou com medo de não receber pela demora entre o dia que fiz a cirurgia e a data da pericia. Vi um comentário que poderia ter voltado a trabalhar sem passar pela pericia, isto é correto? Eles podem não reconhecer este tempo que estou em casa aguardando a pericia??

Mr. Prev disse...

Os laudos que falam sobre seu problema, a cirurgia, o tempo de recuparaçao, os exames medicos, o problema é que que todos pelo que entendi falam que voce ja esta apta. O perito pdoe conceder apenas o tempo qeu está no laudo ou pode dar o beneficio até o dia da pericia(muitos tem feito isso).

Mr. Prev disse...

A pericia pode negar qualquer pedido desde que chegue a conlusao que a epssoa está apta a trabalhar, mas no seu caso foi cirurgia, entao provavelmente eles vao cocneder o beneficio, nemq eu seja ate a data da pericia e liberar voce um dia depois.

Ha agencias do INSS que a pericia esta demorando muito, mais de 60 dias e o problema do segurado é de recuperação rapida, tipo uns 30 dias. O perito pode muito bem conceder só os 30 dias, pricinpalmente se deposi dos 30 dias a pessoa tem fez algume xame que monstra que ela está bem, por isso falo que se a empresa deixar voltar ao trabalho antes da pericia, entao pode voltar.

Vejo muito so peritos concederem ate a data da pericia quando a pessoa realmente esta inapta(seu caso) e esta recuperada ate a data da pericia.

Carolina disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Carolina disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Carolina disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Carolina disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Carolina disse...

Boa Tarde!
Sou gestante e estou afastada do trabalho desde 28/01, pois desenvolvi Hipertensão gestacional e Diabetes gestacional. Precisei ficar internada e desde então faço uso de medicação para controlar a pressão e dieta com nutricionista, para não precisar tomar insulina.
Minha perícia foi agendada para hoje 19/03. Levei todos os meus atestados, exames e relatório médico, caracterizando gestação de alto risco e os problemas citados acima. No relatório minha médico solicita afastamento das atividades.
Acontece que o médico Perito, negou o pedido de auxilio-doença.
Minha dúvida é a seguinte: A empresa me pagou os primeiros 15 dias do afastamento. E o restante, não recebo? Minha médica me dá o afastamento, pois não me considera apta a trabalhar devido aos problemas de saúde e eu saio lesada, sem pagamento?
Mais uma dúvida. Posso entrar com o pedido de reconsideração para tentar receber o benefício do afastamento até a data da perícia (19/03) e voltar a trabalhar antes da data da próxima perícia?
Gostaria de alguma orientação.
Desde já, muito obrigada!

Mr. Prev disse...

Por lei a empresa é obrigada a pgar so os 15 priemrios dias e o resto é por cotna do INSS se cocnedido o beneficio, sendo assims era necessario entrar com pedido de reconsideração para tentar receber.

leila disse...

OLÁ BOA NOITE,
eu fui na pericia no dia 08/03/2013 e o medico me concedeu o prazo q marquei a pericia 27/12/2012 ate no dia da pericia 08/03/2013
so q no extrato de recebimento so consta o valor referente do dia 01/03/2013 ate 08/03/2013, cade o pagamento dos outros dias q é 27/12 ate 08/03 o q fazer? Obrigada.

Mr. Prev disse...

se voce consultou pela Internet entao la aparece so o ultimo pgamento(o mais recente).
Agora se caiu no banco os esse periodo entao voce deve ir ao INSS para verificar oq ue está acontecendo, pois pode ter havido algum erro durante a epricia. Exemplo: a perita colocou o inicio de sua incapacidade em 01/03/2013, entao so saira pagamento a aprtir desta data.

VOce pode ligar no 135 e confirmar o epriodo de apgamento ams acredito que esteja todo o periodo, onde voce consultou e viu so o mes de março?

leila disse...

Eu consultei na internet e liguei no 135 ai lá so esta constando esse pagamento a moça me disse q eles atualiza a folha de pagamento todo dia 20 do mes, sera q mesmo o perito me dando a folha de decissao referente essa data de 27/12/2012 a 08/03/2013 ele pode ter concedido errado? Obrigada.

leila disse...

Eu liguei no 135 novamente a moça disse q esta constando esse periodo para receber 27/12 a 08/03 mas o unico valor disponivel no momento é referente a 01/03 a 08/03 e q é para ligar semana q vem e ver se o resto ja esta disponivel, o q vc acha? é melhor eu ir logo na agencia e ver sobre isso, ou eu espero? Obrigada pela ajuda pq é desesperador saber q vc pode ñ receber algo q esta esperando a muito tempo. Obrigada.

Mr. Prev disse...

Geralmente o pagamento dos atrasados sai junto com o primeiro mes, entao era para ja estar disponivel, sugiro ir ao INSS, ver se houve algum erro.

Se nao houver tanta urgencia pela grana e for dificil ir a uma agencia do INSS voce pode esperar o pagamento cair e ver qunto vai ser depositado, caso haja erro va ao INSS e solicite os que ficaram para tras.

Airton disse...

A aposentadoria foi conedida. Eu tenho dois anos de benefíio "atrazado", há demora para receber este resíduo? Quando o Juiz concedeu o Auxilio Doença disse na sentença que deveria ser pago ao encerrar o Processo.isso é procedente? Ou terei que esperar alguns anos?

Mr. Prev disse...

Pelo que voce me passou o que foi cocnedido foi o auxlio-doença, correto?

Como se trata de um processo judicial, recomendo verificar com seu advogado que esta acompanhando o caso

Airton disse...

O Auxilio eu ja recebia através de sentença Judicial. Agora o próprio INSS cessou o Auxilio e concedeu a Aposentadoria por invalidez. Mas o processo do Auxilio foi que gerou os "atrasados", pois demorou dois anos para desenrolar e o Juiz sentenciou o pagamento desde o inicio do processo, mas só quando houvesse um desfecho definitivo.

Mr. Prev disse...

Os atrasados nao sao pagos diretamente pelo INSS e sim atraves de Requisição de Pequeno Valor. O crédito é feito por meio de RPV (Requisição de Pequeno Valor) em favor do segurado em uma agência da Caixa Econômica Federal ou do Banco do Brasil. O CJF(Conselho da Justiça Federal) faz a liberação dos recursos de acordo com os pedidos de pagamentos feitos pelos TRFs (Tribunais Regionais Federais) onde foram julgadas as ações contra o INSS.

Airton disse...

OK, obrigado pela ajuda! Ficarei aguardando

Davison Luiz disse...

Boa noite,
Minha esposa esta gravida de 14 semanas e desde as 5 semanas de gestação tem sangramentos,com 10 semanas descobriu que esta com placenta-previa.
No dia 18 de março foi a emergência pois estava com sangramento e lá fez uma ultra e a médica disse que ela deveria ficar de repouso absoluto e passou 2 medicações para evitar o aborto e confirmou a placenta-prévia e disse que ia da uns dias de atestado e enquanto isso era para ela ir ao meu médico para ele dar um laudo encaminhando ao inss.
Sai da emergencia e fui ao meu medico e ele deu 15 dias de repouso domiciliar e apos 15 dias repeti o exame pois caso persistisse o problema a afastaria.
Dia 01/04 completou os 15 dias de atestado e ela foi a um medico e fez uma ultra abdominal e nessa ultra tudo deu normal,foi ao medico dela no dia 02/04 e mostrou o resultado e voltou a trabalhar no mesmo dia,a tarde ela fez a ultra transvaginal tn que o medico pediu e para surpresa continua com a placenta-previa.
Fui saber que a ultra abdominal não detecta o problema e só a ultra transvaginal que é capaz de detecta problemas no colo do utero.
Ela não voltou ao medico por vergonha pois já havia ido pela manhã e nesta madrugada acordou com uma dor insuportavel e fomos para emergencia lá foi medicada e deram 1 dia de atestado.
Liguei para a empresa e como tenho um atestado de 15 dias e um de 1 dia da mesma especialidade vão encaminhar ao inss.
Não sei como proceder,o inss concede auxilio doença a gestante com placenta-previa? elaTrabalha em call center e a rotina de trabalho é estressante e não contribui com atual condição e a medica disse que esses sangramentos sempre vão ocorrer.
Estamos um pouco perdidos.

Mr. Prev disse...

A pericia cocnede o beneficios para os casos que o perito entende que a segurada nao tem capacidade de trabalahr por causa do problema.

A empresa ou voce mesmo deve amrcar a pericia pelo 135 ou Internet, no dia que for ao INSS leve o requerimento de beneficio por incapacidade preenchido pela empresa.

Edna Tegon disse...

Bom dia tive alta do INSS por apresentar a minha CNH renovada ainda fui obrigada o ouvir do perito que era assim que eles pegavam algumas pessoas, me senti mal devido a esse comentario maldoso o pior e que ele disse que nao era meu caso..rs so expliquei a ele que eu cumpri a lei que quando vence voce e obrigado a renovar porem estava com meu esposo no carro ja que e ele que esta dirigindo pra mim, e que se estivesse de ma fé jamais deria apresentado o documento, porem tinha todos meus exames e laudos do medico comprovando meu problema, voltei ao trabalho porém pedi as contas pois nao tenho condições de ficar muito tempo sentada devido a tendinopatia de quadril e 2 hernias de disco lombar.Porem a menina do RH informou que mesmo sem emprego posso pedir auxilio doença, confere essa informação? Tenho 23 anos de contribuição previdenciaria.Aguardo uma resposta obrigado

Mr. Prev disse...

SIm, voce nao precisa estar trabalhando para para pedir auxilio-doença, vale lembrar que apos cessação das contribuições voce antem a qualidade de segurado por 12/24 ou 36 meses.

Desempregado tambem tem direito ao beneficio.

RogerDJ CharmRJ disse...

Boa Noite! queria tirar uma dúvida eu fiz uma cirurgia do joelho direito em set 2012, até aqui, o meu benefício foi concedido. Porém o meu último pedido de prorrogação o perito me deu até a data da perícia (no caso 10/04/13). No mesmo dia fui ao médico mas o que me afastou não atende neste dia, então fui consultar com outro médico e mesmo disse que só pode me dar o laudo depois de fazer uma nova resonância do joelho, que estar marcado no dia 19/04/13 e o médico que me afastou, está marcado no dia 22/04/13, estou fazendo hidroterapia e ainda sinto dores ao flexionar o joelho. O que faço? marco o pedido de reconsideração desde já ou espero o exame e a consulta para depois marcar? ficarei esse período sem receber? pois a empresa só aceita depois de ter a liberação do médico. aguardo resposta. Obrigado!

Mr. Prev disse...

Voce tem 30 dias para marcar, se a data da marcação for antes do medico, entao espere mais um pouco para que voce tenha um laudo para levar.

Mr. Prev disse...

SO voltara a receber do INSS se ganhar na pericia de reconsideração

Angela disse...

O site para extrato de contribuições não está funcionando: http://www1.dataprev.gov.br/conweb/sp2cgi.exe?sp2application=conwebTimed Após digirar o cnis e senha aparece a mensagem: Timed Out - tempo expirado

Mr. Prev disse...

Tente mais tarde novamente ou va ao INSS

karina alves santos moreira disse...

oi fiz uma cirurgia e medico me deu 15dias mas o atestado acabou31-03-13 e a pericia 2-05-13 pedi outro atestado pro medico ele falou que mesmo eu estando em recuperação e não podendo voltar a trabalhar ele não poderia dar pois ja marquei a pericia e o inss se responsabiliza por esses dias e agora o que eu faço corro o risco de não receber.

Mr. Prev disse...

Voce corre o risco do INSS nao cocneder o beneficio, o medico perito analisa se voce tem direito ou nao atraves dos laudos/atestados, se voce nao tem o risco de indeferimento é grande.

Victor Hugo Sabino disse...

Olá, quando vou acessar o EXTRATO DE PAGAMENTO DE BENEFÍCIO, ele pede para inserir o número de benefício, porém o que tem no cartão é NB/NIT que possui 11 dígitos, só há espaço para 10 dígitos lá... o que devo fazer? já digitei sem o primeiro e sem o último dígito e dá Dígito Verificador não Confere
obrigado pela atençao

Mr. Prev disse...

Pegue o numero do beneficio na carta de cocnessão caso voce ainda tenha ou ligue no 135 e pergunte o numero.

juliana salgado disse...

Boa tarde,

Fui afastada do meu emprego por 60 dias em 05/04/2013 por cid 32.2 e 43. Passei por perícia médica em 20/05/2013 e levei todos os atestados e relatórios da minha psiquiatra, alegando que não tenho condições de retornar e pedindo mais 90 dias de afastamento.o Médico perito indeferiu meu pedido e me concedeu benefício somente atá o dia 20/05. Liguei para o 135 e me informaram que não posso fazer pedido de prorrogação pois só é aceito até 3 dias antes da alta do inss, mas como não sabia que ia receber alta não o fiz. Me informaram que devo fazer pedido de reconsideração, porém só a partir do dia 26/05...como fica minha situação nesse intervalo de tempo de 6 dias, já que não consegui marcar de imediato no inss pedido de reconsideração? Deveria voltar ao trabalho mesmo assim?

Mr. Prev disse...

Se vai fazer pedido de reconsideração entao nao deve voltar ao trabalho pois recosndieração é para quem nao tem codnições de trabalahr e precisa prorroar o beneficio.
Voce tem 30 dias para pedir essa recosndieração e se o medico perito conceder entao voce voltará a receber de onde parou, mas se ele negar nao recebe nada do INSS.

Apenas pericia de prorrogação tem pgamento garantido.

Marcia vartman disse...

Olá Mr. Previ, eu fui demitida e como estou com tendinite de ombros e hernia na cervical informei o RH sobre isso. Ele me encaminharam para o exame dimissional e disseram que se nao for apto para demissao vao me encaminhar para o INSS. O medico do trabalho da empresa pediu um laudo para o meu ortopedista atestando se estou ou nao apta a trabalhar.
Eu tenho muitas dores e preciso continuar o tratamento porem nao posso dizer que estou totalmente inapta porque estava trabalhando até agora.
Passarei com o medico amanha. Se for inapta, quem defini a qte de dias da licença para eu ir para o INSS é o medico da empresa? e se demorar muito tempo para a consulta, enquanto isso a empresa nào pode me demitir ? Se na consulta com o INSS o mesmo nao aceitar, a empresa pode me demitir com data retroativa ? E' melhor eu aceitar a demissao e me tratar por conta propria ou realmente é melhor ficar um tempo no INSS até me curar totalmente ? tenho receio em funcao de todas as demoras e dificuldades do INSS. Muito obrigada,

Mr. Prev disse...

Ja respondido no artigo "Pericia medica do INSS"

anónimo disse...

ola gostaria de tira uma duvida
fiz uma cirurgia da hemorroida dia 01/07/13 de inicio o medico me deu um atestado laudo de 30 dias,no décimo sexto dia a empresa ja marcou minha pericia para o dia 14/08/13 devo me preocupar o que devo fazer ?
observação: dia 31/07/13 tenho um novo retorno com o médico que fez a cirurgia , devo pedir para ele ,(é claro) se for necessário me dar um novo atestado até o dia da pericia , pois a cirurgia nem cicatrizou e sai muita secreção, e trabalho com peso ? não sei como funciona , Mr.prev se por favor me de uma orientação ?

Mr. Prev disse...

Anonimo, sendo seu atestado de 30 dias, se você não tiver condição de voltar em 30 dias deve pegar outro atestado.

No dia da pericia leve seus documentos pessoais e o requerimento com o ultimo dia de trabalho informando pela empresa.

Alexandra Oliveira disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Alexandra Oliveira disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Alexandra Oliveira disse...

Olá Mr Prev, bom dia!!! Entendi que os primeiros 15 dias são de responsabilidade da empresa, após, do INSS, com perícia médica. Meu pai continua internado com trombose venosa na perna, e hj faz exatamente 16 dias e sem iniciativa de alta. A perícia pode ser marcada após a alta médica? Como a a família pode proceder?
Grata,

Mr. Prev disse...

Alexandra, nao espere mais de 30 dias após o afastamento para marcar, pois o pagamento do beneficio vai ser a partir dessa data de marcação e não mais o 16º dia.

Voce pode verificar a possibilidade de pericia hospitalar na agencia do INSS. Mas se a agencia do INSS que você for marcar nao tiver vaga de pericia para logo, se for demorar, pode marcar normalmente, e se no dia ele ainda estiver internado solicite a remarcação, mas nesse caso atrasará o pagamento.

Rubens disse...

Perdi a data de levar uma pessoa à perícia. Como procedo?

Mr. Prev disse...

Em até cinco dias é possível remarcar a pericia, depois dessa data só começando tudo de novo, marcando novo beneficio.

Luan Mendes disse...

Olá, fiz uma cirurgia no joelho em 18/07/13 ganhei primeiramente atestado de 2meses a perícia tá marcada para um dia antes de encerrar o atestado. Já posso caminhar, mas minha flexibilidade e força na perna ainda estão comprometidas. Estou fazendo fisioterapia e vou começar a hidroterapia. Vou precisar de tempo para fazer esses tratamentos, é o perito quem me da mais esse tempo ou ele já ira me liberar para trabalhar mesmo com esses problemas ? Desde já grato.

junio souza disse...

olá ,Estou com algumas duvidas
sobre meu estado ,estou em tratamento psicológico em crise de panico
não tenho condiçoes de sair de casa
principalmente para longe estou afastado a alguns meses em um acordo que fiz com a empresa ,mas por precaução tenho guardado documentos de tratamento psicologico receitas medicas .Primeira duvida irei essa semana em uma NeuroPsiquiatra ela pode me conceder os 15 dias e laudo para pericia ? Segunda estando eu nessa situação como fazer a pericia ja que não saio de casa a meses e 3 mesmo não comparecendo ao trabalho por mais de 30 dias eu enviei por Scan documentos demostrando tratamento (mesmo nao sendo atestados )Posso ser demitido por Abandono ? desculpe tantas perguntas e agradeço a futura resposta

Mr. Prev disse...

Luan, o médico perito concede o beneficio baseado no atestado médico, sendo assim, seria interessante você levar um segundo testado se quiser ficar mais tempo.


Nãoq eu você não vá conseguir com o que você já tem, mas a chance de o medico perito conceder so os meses que estão no atestado é grande.

Mr. Prev disse...

Junior, existe a possibilidade de perícia domiciliar mas você não se encaixa, vai ter que dar um jeito de ir pelo menos ate a porta de carro(exemplo).

Se você marcar a pericia medica, até que faça a perícia acho difícil a empresa demitir, mas se não marcar eles podem demitir por abandono.

Quem afasta você é o emdico perito, o seu psiquiatra pode fazer uma testado/laudo informado sobre suas condições e necessidade de repouso.

adrina massi disse...

Boa tarde, gostaria de tirar uma duvida, meu marido vai fazer pericia dia 4 de fevereiro pois ele furou o olho ele e produtor rural, mas o rapaz que agendou a pericia e foi fazer os documentos pois ele nunca fez pericia. Ao fazer o cadastro com o numero do NIT, la abaixo da folha quando fala assim: ocupação: ele colocou garimpeiro. Fui la pra falarmas ele nao consertou. Gostaria de saber o q tenho q fazer pois a pericia e amanha e os documentos q ele vai levar e de produtor rural

Mr. Prev disse...

Você vai elvar todos os documentso que provam que ele é rural, la no INSS se ficar comprovado eles tiram isso do cadastro dele.